Datena se pronuncia ao vivo sobre acusação de repórter e choca ao dar sua versão da verdade

O apresentador José Luiz Datena voltou a fazer programa ao vivo nessa segunda-feira,  21 de janeiro. Durante o ‘Brasil Urgente’, o comunicador fez questão de falar sobre o caso envolvendo a jornalista Bruna Drews. Após ser demitida da Bandeirantes, a profissional acusou Datena de assédio e fez revelações bombásticas em torno do nome do comunicador.

O apresentador disse que estava falando sobre esse assunto pelo respeito que tem aos seus telespectadores. No entanto, por envolver um processo que até então corria em segredo de justiça, ele seria breve. Datena disse, entre outras coisas, que quem cuidaria disso era Deus e a própria justiça dos homens.

Datena diz que Deus irá cuidar do caso envolvendo ex-repórter da Band

Datena disse, entre outras coisas, que está muito chateado, especialmente porque a acusação veio de uma pessoa  que ele não esperava. Na sequência, o comunicador revelou que as acusações feitas por Bruna Dews são falsas e caluniosas.

“Me abater é claro que vai, mas não vai abalar a ponto de quebrar as minhas pernas. Espero só que a Justiça mostre o que é verdadeiro. Eu estou dizendo a verdade, acredite em mim”, disse o comunicador ao vivo na Bandeirantes.

Veja abaixo um vídeo que mostra parte das declarações de Datena envolvendo a jornalista Bruna Drews:

Repórter Bruna Drews processa Datena e dá detalhes de suposto assédio

Bomba na televisão. A jornalista Bruna Drews, 35 anos, está acusando o apresentador José Luiz Datena, 61 anos, de assédio. O caso ganhou espaço nessa sexta-feira, 18 de janeiro, em uma reportagem do jornalista Daniel Castro. A repórter, inclusive, já teria protocolado uma denúncia contra o âncora do ‘Brasil Urgente’ no Ministério Público.

Bruna Drews dá detalhes no processo de como o crime do apresentador teria ocorrido (lembrando sempre que ele nega os fatos). Tudo teria acontecido em uma festa da firma, na qual o comunicador teria feito comentários sobre a orientação da jornalista, que namorava uma mulher, além de realizar supostas “cantadas” indecorosas.

Bruna Drews foi para a Bandeirantes depois de já ter feito cobertura policial no ‘Cidade Alerta’, da Record. No entanto, no canal de Jhonny Saad, a repórter não se adaptou muito bem e foi solicitando uma série de licenças médicas, o que motivou comentários ruins nos bastidores. Ela era chamada, entre outras coisas, de “mina do Datena”.

Em uma festa, Bruna Drews acusa o jornalista de ter dito que não se importa que ela namore uma mulher e que até a filha dele já teria ficado com mulheres. No entanto, ele acharia a repórter bonita demais e que “batia” depois do jornal pensando nela.